Plásticos e sustentabilidade

5 min para ler 27 fev 21

Os plásticos descartáveis têm estado sob intenso escrutínio, com consumidores e reguladores a focarem a sua atenção numa questão que, até recentemente, escapava aos holofotes da opinião geral, e com a ajuda da série Planeta Azul ("Blue Planet" no original). Entre a pressão no sentido de uma menor utilização de plástico e movimentações generalizadas no sentido de produtos e serviços mais sustentáveis, haverá obviamente ganhadores e perdedores na guerra contra o plástico – e os investidores não podem ignorar o impacto financeiramente importante da futura regulamentação. Durante 2019, interagimos com várias das nossas participações especificamente nesta questão, algumas das quais destacamos de seguida.

Amcor – os plásticos e a economia circular – Ações

Objetivo: Compreender melhor o recente anúncio de um investimento de US$50 milhões na estratégia de sustentabilidade, plásticos e ‘circularidade’ da Amcor, empresa de embalagens global.

Ação: Tivemos uma reunião com o presidente executivo da Amcor para discutirmos os resultados recentes e a estratégia de sustentabilidade da empresa. A Amcor teve recentemente de vender duas das suas empresas para satisfazer o regulador, e está a utilizar parte da receita da venda para criar valor investindo mais na sua estratégia de sustentabilidade. Em anos recentes, os produtos sustentáveis da empresa têm constituído uma parte essencial da sua oferta em concursos de grande dimensão.

Resultado: Estamos convencidos de que a Amcor está no caminho certo para cumprir as metas de sustentabilidade que definiu para 2025, e ficámos entusiasmados com o facto de o presidente executivo ter falado da importância da sustentabilidade e do desenvolvimento continuado de opções de embalagens ecológicas.

Mais informações: A M&G interagiu com a Amcor em 2019 relativamente a várias questões, incluindo os plásticos descartáveis, o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 17 da ONU: Vida Marinha e a economia circular. Isto proporcionou-nos uma ideia clara sobre a forma como a sustentabilidade está integrada na estratégia comercial, e como se transformou numa componente crucial para conseguir novos mandatos e trabalhar com os clientes.

Britvic – plásticos descartáveis e estratégia em matéria climática – Rendimento fixo e Ações

Objetivo: Compreender de que modo a Britvic, fabricante de refrigerantes, vai cumprir os seus compromissos relativamente às metas ambiciosas definidas para 2025 com vista à eliminação de embalagens de plástico descartáveis e desnecessárias, incluindo governação, supervisão do conselho de administração e incentivização ao cumprimento de metas associadas à remuneração.

Ação: Levámos a cabo uma série de reuniões com a empresa, que incluiu uma reunião com o presidente executivo e a equipa ASG da empresa.

Resultado: Compreendemos agora melhor as estruturas que estão implementadas e o desejo de uma supervisão mais estruturada do conselho de administração e governação relativamente à definição e concretização de metas no que respeita ao aprovisionamento de PET reciclado e à concretização dos objetivos em matéria de clima.

Mais informações: Após uma reunião da M&G com o presidente executivo, a Britvic solicitou uma reunião de seguimento para apresentar informação e detalhes mais esclarecedores relativamente a algumas das questões ASG que tínhamos suscitado. O principal objetivo desta reunião era compreender de que modo a Britvic tenciona cumprir os compromissos assumidos publicamente para garantir que todos os produtos terão 30% de PET reciclado (rPET) até 2025, quando se prevê que irá haver uma quebra na oferta. A empresa descreveu em breves palavras os seus planos para trabalhar com instituições académicas, ONG de renome, fornecedores, retalhistas e empresas envolvidas na recolha e reciclagem de resíduos pós-consumo com vista a reduzir os resíduos em aterro, ‘fechar o circuito’ e aumentar o stock de rPET em oferta. Para a Britvic nos demonstrar até que ponto estava a levar a sério estas questões, pedimos ao presidente executivo que considerasse uma associação entre remuneração e concretização destas metas.